quarta-feira, 9 de março de 2011

Encerrando uma etapa.

Ha quase duas semanas tomei uma decisao muito importante e quero compartilhar com todos aqui pelo blog. Decidi desistir do programa de Au Pair e voltar para o Brasil. Pensei, repensei e resolvi voltar. Considerei tudo antes de optar por isso e, colocando os sentimentos na balanca, vi que a saudade prevaleceu. Desde que cheguei aqui nao me sinto completamente feliz. Acredito que tenha deixado transparecer em alguns posts (se nao em todos) essa minha angustia e vontade de voltar. Descobri que viajar para o exterior eh bom, mas como turista. Nao para morar, muito menos para ser Au Pair.
Nao me arrependo de forma alguma de ter vindo, arriscado. Intercambio foi sempre um sonho pra mim e agradeco a Deus por ter tido essa oportunidade. Vim, provei tudo o que ha de melhor e tudo o que ha de pior nessa vida no exterior. Tive momentos intensos aqui e vou carregar essas lembrancas para sempre. Volto pra casa encarando muitas coisas de forma diferente. Vir pra ca foi uma mudanca brusca. Deixei meu trabalho, minha vida estavel e vim na cara e na coragem. Agora volto para o Brasil na cara e na coragem tambem. Recomecar! Novo trabalho, novos desafios. Mas antes de tudo, vou me dar ao luxo de tirar umas ferias. Curtir minha familia, meu namorado, minha casa... to tao ansiosa! Hoje comprei a passagem. Embarco dia 05 de maio. Parece que esses 2 meses serao uma eternidade pra mim.
Sei que muitas meninas que pensam em ser Au Pair leem esse blog. O que posso dizer eh: nao desistam. Nao vivam na duvida do “Se” eu tivesse tentado. Venham, deem a cara a tapa. Se voces sentem que esse eh o momento, eh soh se jogar. Como disse antes, intercambio sempre foi um sonho, mas em outro momento da minha vida. Quando isso se concretizou, ja nao estava tao certa se era o que eu queria. Mas mesmo assim estou aqui.
Ah, ficarei mais 2 meses ate a nova Au Pair chegar. Foi o pedido que a minha host fez quando eu disse que queria voltar para o Brasil. Aceitei. Nao me sentiria bem em nao ajuda-la. Vou tentar aproveitar esse tempo que me resta aqui da melhor forma possivel. Tento controlar a minha ansiedade pensando que tenho tao “pouco” tempo aqui e o resto da minha vida no Brasil. Mas essa tecnica nem sempre funciona.
Mesmo voltando para o Brasil, pretendo continuar com o blog. Afinal, a volta ao mundo continua. ;)